segunda-feira, 26 de setembro de 2016

#AcademiaTimeOut: receitas gulosas para o regresso às aulas


Voltámos à Academia Time Out e voltámos a trazer não uma, mas duas receitas super tentadoras de tão fáceis e deliciosas que são. O objetivo não era simples, mas a minha querida Teresa Cameira voltou a ser bem sucedida e conseguiu criar duas receitas que cativaram a exigente audiência de palmo e meio: bolachas de manteiga de amendoim (não tinham como falhar, sobretudo com pepitas de chocolate por cima) e umas surpreendentes barritas crocantes de milho e chocolate super simples de fazer.


Segunda-feira pareceu-me o dia ideal para as partilhar com vocês porque é aquele dia em que há uns quantos meninos e meninas que não querem ir para a escola. O fim de semana foi bom de mais para durar só dois dias... os pais concordam. 







Desta vez, a princesa Leonor mostrou os seus verdadeiros dotes culinários: queria partir o ovo ainda antes de ter permissão para o fazer; adivinhou a ordem dos ingredientes todos; fartou-se de mexer tudo muito bem e só desistia quando estava mesmo cansadinha; e provou tudo... mesmo que diretamente da colher que usou para mexer (ahahaha).

E se no início só queria entrar no workshop da Samsung Chef Experience para cozinhar, no final só queria sair para mostrar ao papá e ao mano as bolachinhas que tinha feito e que levava numa caixinha de papel. Ficaram tão boas que o papá está farto de pedir para repetirmos, mas desta vez cá por casa.





quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Dias que se atropelam


Quantos dias e noites não me tenho sentado aqui, em frente a este mesmo portátil, cheia de ideias para escrever e sem coragem para o fazer?

Quantos e quantos momentos não tive em que comecei a escrever um post e fui interrompida por um baby Pedro a chorar com cólicas ou por uma princesa Leonor que queria jantar?

Quantas vezes não abri o blog e contei os dias em que voltei a não conseguir publicar um texto?

Quantas madrugadas não houve em que dei de mamar ao Pedro, deitei-o, fiz um chá e fui ver e-mails e imagens de novas coleções para partilhar e acabei por me render às evidências do cansaço?

Foram tantas as vezes que sinceramente deixei de as quantificar. Entre noites mal dormidas e ainda em sistema de turnos de três em três horas; dias que começam no trânsito e no trabalho e terminam nas compras, a escolher a roupa dos príncipes para o dia seguinte ou a preparar qualquer coisa para levar para almoçar no trabalho no dia seguinte... sobra tão pouco tempo para este 'meu' mundo...

Mas melhores dias virão e eu sou tudo menos pessoa de me deixar desanimar. Posso ter dias maus, momentos em que só me apetece gritar ou mandar alguém ir ver se chove no Butão, mas depois de o fazer (ou não) acabo por olhar para o que tenho mesmo aqui tão pertinho de mim e é impossível não sorrir. Pode parecer cliché, mas não mesmo nada melhor do que ter dois filhos que amo de forma incondicional e que me amam de volta, mesmo que ainda não saibam dize-lo ou demonstrá-lo.

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

#LidlShop: e vocês já brincaram hoje?


«Brincar é o património imaterial mais bonito que há», garante o pedopsicólogo Eduardo Sá. 

Eu vou um bocadinho mais longe e acho mesmo que é o momento mais especial na vida de qualquer criança e essencial para o seu crescimento saudável e feliz, devendo ser praticado todos os dias pelos pais, avós, tios, primos e amigos.

 E vocês já brincaram hoje com os vossos filhos, sobrinhos ou netos?

Apesar da rotina acelerada dos nossos dias, das múltiplas tarefas e exigências do trabalho, casa e filhos, a verdade é que tento (e acho que consigo 99% das vezes) brincar com os meus príncipes pelo menos uma vez por dia e sinceramente não há nada melhor. Para eles e para mim. 

É um momento único e nem precisa de ser nada complicado. Pode ser uma história ao deitar, uma construção de legos, um puzzle ou simplesmente fazer de filha ou de doente da minha princesa (ahahaha)

E hoje o nosso momento de brincadeira envolveu duas coisas que a Leonor adora: compras e dinheiro. Não que seja consumista, mas não há nada melhor do que um mini supermercado para fazer as delícias de uma criança e hoje foi a vez de arrancar a coleção das miniaturas do Lidl Shop.

A iniciativa começou esta semana e prolonga-se até 20 de novembro, sendo que por cada €15 de compras os papás levam para casa uma miniatura para preencher as prateleiras no mini mercado dos príncipes e princesas. E além dos legumes, caixas de cereais e frutas - num total de 40 miniaturas -, ainda há carrinhos de compras, caixa registadora, cestos, o camião do Lidl e dinheiro que pode ser comprado em qualquer loja Lidl. 

O objetivo da campanha é simples: incentivar os papás e as mamãs a dedicarem mais tempo às brincadeiras e aos momentos em família. 

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Palácio de Queluz recria ambiente do período barroco numa noite diferente e de entrada gratuita


Na noite de 23 de setembro, o Palácio Nacional de Queluz abre portas gratuitamente entre as 20h e a meia noite. Os visitantes vão ter a oportunidade de ouvir música do período barroco, apresentada pelo pianista Nuno Margarido Lopes, na Sala da Música, e de percorrer os Jardins Superiores sob orientação de 10 animadores.

Para participar no evento organizado pela Parques de Sintra é obrigatória a pré-inscrição online (http://www.parquesdesintra.pt/event/palacio-nacional-de-queluz-abre-a-noite-com-entrada-livre/), havendo 2.800 vagas disponíveis para visitar o monumento.

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Primeira semana de colégio e a primeira virose


O baby Pedro começou a escolinha com o pé direito e muitos elogios. Porque é um simpático, porque está sempre de sorriso pronto, porque tem imensa força, já gatinha para trás e não pára quieto, e sobretudo porque é um comilão (o que imagino que deve ser uma maravilha para as auxilares).

Mas como não há bela sem senão, a primeira semana não podiam ser só maravilhas e o nosso príncipe apanhou a primeira virose... e o primeiro sintoma foi simplesmente a perda de apetite, o que nele é mesmo de estranhar. Depois veio a febre e mesmo com 39 ºC não havia quem lhe tirasse o sorriso.

Lá fomos com ele para o pediatra e o diagnóstico foi uma amigdalite viral. Receita: paracetamol e brufen intercalados de 4h em 4h. O desespero inicial é que nem sequer com esta medicação a febre baixava dos 37ºC. No entanto, depois de uma noite em claro, para ele, para mim e até para a princesa que se apercebeu das movimentações noturnas e quis colinho da mamã, lá conseguimos vencer a febre e aguentar as 4h sem ultrapassar a barreira dos 37ºC. 

Hoje já está um bocadinho mais animado e já aguenta umas 6h sem medicação para a febre. O apetite é que ainda não regressou a 100%, mas mesmo assim não nos podemos queixar. 

E no meio disto tudo, o que me valeu foi a avó. Como não podia ficar no colégio e os papás estavam cheios de trabalho, a casa da avó acabou por ser o seu refúgio e o seu colo durante os últimos dois dias. 

Hoje, felizmente a mamã está de folga e já pode encher o príncipe de mimos e aproveitar para dormir um bocadinho também, é que isto de estar com quase duas diretas em cima e ainda ter de mimar a princesa e o príncipe, trabalhar e organizar a casa é dose....

Mas o mais importante é que ele fique bom e rápido e que a princesa consiga 'fintar' a virose e termine a primeira semana no novo colégio sem nada de negativo a registar.

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Nervos, tantos nervos


Os meus príncipes já estão oficialmente em contagem decrescente para o primeiro dia no colégio novo e eu tenho a certeza que estou bem mais nervosa do que eles. 

Para ela não é propriamente uma estreia, mas cheira-me que vai ser difícil. Não só pela sua personalidade bem definida com um toque de mau feitio e teimosia à mistura, mas sobretudo porque não vai ter lá as amiguinhas da escola anterior. 

Já para ele é uma estreia bem precoce. Do alto dos seus seis meses vai pela primeira vez estar com outros babies que não a mana e primos e com outros adultos que não os papás, avós e tios... O que me tranquiliza é mesmo saber que o colégio é em frente da casa dos meus pais e que o príncipe come bem e de tudo e sempre como se não houvesse amanhã. Além disso, é daqueles bebés que adora espalhar charme. Sorri sem grandes restrições e salta para o colo de todos...

Quem vai ficar de coração apertadinho eu sei quem é. A mamã e o papá que vão ter daqueles dias de trabalho bem complicados e longos, cuja agenda bem preenchida até pode ser boa para fazer esquecer a preocupação do primeiro dia...

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Férias da blogosfera


Fomos de férias e desta vez resolvi deixar tudo em Lisboa: o trabalho, o blogue, os horários, as rotinas e até as preocupações. 

Decidi fazer uma espécie de detox digital e aproveitar as últimas semanas de férias de verão com o que tenho de melhor na vida, a minha família linda. 

Óbvio que não consegui desligar a 100% do Facebook e do Instagram e de vez enquanto partilhava uma ou outra foto dos príncipes, fosse no Portugal dos Pequenitos, em Coimbra, num piquenique descontraído em Cascais, num churrasco na Estufa Real, a convite do Lidl, ou simplesmente num parque ou num jardim. 

Felizmente não faltaram momentos de diversão e as preocupações e os timings de trabalhos e de posts ficaram literalmente em segundo plano. 

Sinto que pela primeira vez em algum tempo consegui desfrutar dos meus pimpolhos e do maridão. E a melhor parte foi sem dúvida ouvir a princesa dizer vezes sem conta que sou a sua melhor amiga e que gosta muito de mim e ouvir as gargalhas sonoras do baby Pedro... não há nada que pague estes momentos.